segunda-feira, 9 de maio de 2016

O Nuno Furtado é pintor da construção civil...

 
Domingo de Páscoa, dia de estar em família, com uma outra família, também minha, a dos desenhadores. A beleza e tranquilidade da ilha de São Miguel reconfortam-me. A Igreja de São Roque impõe-se na paisagem. Os homens que passam observam o meu desenho (sim, porque as mulheres estão em casa a fazer o almoço...), o Nuno quis ser desenhado, e quis que o fotografasse com o desenho que dele fiz. Tinha um fio com uma cruz, como a cruz com Cristo no interior da Igreja. Acredito que tudo tem um sentido...
 
 
 

 
 
 



4 comentários:

  1. Está tudo bom. O retrato, a paisagem, o texto, a composição. Mas o que gosto mais é da serenidade que os desenhos transmitem.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Filipe! Sentimos a tua falta neste retiro...

      Eliminar
  2. Hoje, mais do que nunca, as distâncias não existem. Venho aqui visitá-la, olhar os desenhos - os riscos e as cores, os sons e sabores que neles se sentem - e ver por onde andam os seus caminhos.
    E daqui do Brasil vai aquele abraço,
    Isabel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade, querida Isabel! Um grande beijinho e saudades...

      Eliminar